Como usar efeitos na Midas Pro Series

Tempo de leitura: 3 minutos

Nesta publicação, você vai ver o passo a passo de como usar os Efeitos na Midas Pro Series e nunca mais passar dificuldades para configurar os roteamentos na tela de patching.

E o que é roteamento, Tiago?

Roteamento é a possibilidade de sair ou entrar, com sinal de áudio, em um canal de entrada, saída, direct out, matrix, processadores, efeitos…

O principal ponto no roteamento é lembrar que na tela de patch as saídas ficam na esquerda e as entradas ficam na direita.

Detalhei bem o processo de roteamento do Patching na publicação de Insert, inclusive, caso queira usar os efeitos por insert e não por saída de auxiliares (busses), leia a publicação Como usar Insert na Midas Pro Series.

08 passos para usar Efeitos na Midas Pro Series

Este tutorial vem mostrar o quanto é fácil fazer o roteamento dos processadores de efeito nos consoles Midas Pro Series.

Passo 01

Abra o rack de efeitos:

Tela mostrando o rack de efeitos
PASSO 01 – Vá em HOME, depois em Rack Units e depois clique em Effects.

Passo 02

É aqui que você coloca seus processadores de efeitos. Clique em um slot para abrir:

Tela mostrando slots vazios no rack de efeitos
PASSO 02 – Clique em um slot vazio para abrir e inserir um processador de efeitos.

Passo 03

Adicione um processador de efeitos:

Tela de slot vazio para inserir equalizador gráfico
PASSO 03 – Para inserir um efeito, clique em CHANGE DEVICE TYPE.

Passo 04

Selecione o processador desejado:

Tela de opções de efeitos
PASSO 04 – Selecione o efeito e clique OK.

Passo 05

Repita o processo para todos os racks que deseja usar:

Tela com Rack de Efeitos cheio de Processadores
PASSO 05 – Repita os Passos 02 à 04 até preencher o rack com os efeitos que deseja usar.

Passo 06

Boa! Se agora só falta entender o patch, então você já chegou no fim do processo para usar os efeitos na Midas.

Vamos configurar este roteamento:

Entrando na tela de patch
PASSO 06 – Clique em HOME e depois clique em Patching.

Passo 07

A regra pra usar o roteamento é simples, do lado esquerdo é saída (From) e o lado direito é entrada (To).

Simples, não? Só precisamos decidir qual auxiliar vai sair e qual canal em qual efeito vai entrar:

Roteando do Auxiliar para os Efeitos
PASSO 07 – Selecionamos o sinal de onde vai sair, no lado esquerdo (aba Busses), para onde vai receber, no lado direito (aba Effects)

No exemplo acima, estou usando do auxiliar 9 ao 16, sendo que algumas saídas alimentam duas entradas de efeito e outras alimentam individualmente cada entrada.

Passo 08

Já o retorno do efeito para algum canal de entrada, usamos as saídas dos efeitos, que fica na esquerda, indo para as entradas dos canais, na direita:

Retornando os efeitos para os canais
PASSO 08 – Selecionamos o sinal de onde vai sair, no lado esquerdo (aba Effects), para onde vai receber, no lado direito (aba Inputs)

No exemplo, estou retornando estes efeitos para canais normais de entrada e canais auxiliares de entrada.

Bônus

Percebam que existem diferenças de processamento entre os canais de entrada…

Canais de entrada completos
Canais de entrada completos.

… e os canais auxiliares de entrada.

Canais Auxiliares de Entrada
Canais Auxiliares de Entrada, sem processamentos de dinâmica.

Basicamente, a diferença está no processamento dos canais, já que é reduzido nos canais auxiliares de entrada. Sendo assim, pode ser que precise usar algum dinâmico e não será possível.

Aproveitando, atualizei a publicação Como usar Equalizador Gráfico, com um rápido conteúdo passo a passo pra você.

Gostou? Então deixa um comentário, ele é muito importante para que eu possa fazer melhor nos próximos textos. Ahhh!!!! Aproveita e compartilha nos botões das redes sociais no começo desta publicação.

Comente com sua conta do Facebook:

Comentários: